O Sistema Toyota de Produção- Além da Produção em Larga Escala - Resenha



"O Sistema Toyota de Produção - Além da Produção em Larga Escala"

Depois de tanto ouvir sobre, decidi conhecer melhor sobre o Sistema Toyota de Produção, o que eu achei que seria uma leitura difícil e tediosa, foi empolgante e informativo. Aconselho a você que se interessa não só por carros, mas por gestão e sistemas de produções. No meu caso eu nunca entendi nada sobre carros rsrs. Neste livro eu pude entender conceitos importantes de um pensamento de um grande empreendedor, e refletir acerca de questões do mercado. Fiz um pequeno resumo para que você tenha curiosidade de ler este livro. 








"O Sistema Toyota de Produção é referência quando se fala em sistemas de produção. Mas antes de consolidar-se este sistema japonês revolucionário enfrentou muitas dificuldades para ser implementado. Antes de ser tornar presidente da Toyota, Sakichi Toyoda inventou um tear mecânico na indústria de teares Toyoda, usando o princípio da autonomação (automação com um toque humano) que significava que uma máquina parava automaticamente em situação anormal, tornando o produto final quase perfeito. 
Ao visitar uma indústria automobilística americana Toyota enxergou uma possibilidade de um grande empreendimento. Numa época em que os concorrente americanos estavam em plena atividade produzindo em larga escala, o objetivo era alcançar os americanos em três anos. Mas para fazer isso Toyoda seguiu por um caminho diferente e questionável, adaptando-se ao mercado japonês. Ao invés de produzir o máximo de carros, com o mínimo de tempo e menor preço, seu principal fundamento era eliminar totalmente o desperdício e produzir somente o necessário, quando necessário. Como resultado final; peças de qualidade sem grandes estoques. 
Com este conceito foi criado o sistema "Just in Time", diferente do sistema convencional, "Just in Case" em que uma falha é identificada somente depois de vários processos terem sido feito, e peças defeituosas produzidas que teriam que ser reparadas ou descartadas. No "Just in Time" um processo não se inicia se o processo antecedente não estiver com a qualidade necessária. O processo precedente busca as peças que precisa no processo antecedente, evitando assim estoques extras, o que seria a "produção puxada." O Kanban é a ferramenta criada para fazer com que o Just in Time funcionasse com sucesso. Trata-se de cartões afixados nas peças em cada processo com as especificações necessárias, desta forma é possível produzir uma grande variedade de carros em quantidades pequenas.
Sendo assim a Toyota se adapta tanto nas épocas de crescimento, quanto na baixa demanda. 
Na Toyota cada operário é responsável pela qualidade das peças, o Sistema Toyota não é um padrão. Ele está sendo constantemente melhorado. A cada falha, é uma oportunidade de aperfeiçoar e otimizar o desempenho das máquinas e dos operários. 
E pensar que o primeiro carro a sair da fábrica foi apenas três anos depois do início das atividades, o que mostra o quanto a Toyota preza pela qualidade e melhorar seu sistema.
Hoje o Sistema Toyota é imitado em várias indústrias, até mesmo de diferentes nichos, sendo reconhecido por sua grande inovação e utilidade."


Espero que tenham gostado e se interessado pelo assunto, lembrando que este texto é meu e não autorizo cópia sem meus devidos créditos. 

Dani Fernandes, 06/02/2017





Dani Fernandes

Dani Fernandes, 18 anos, mineira, blogueira e escritora de Margaridas, Lírios e Mariana.

5 comentários:

  1. Respostas
    1. Oi Eduardo obrigada pela sugestão deixei linkado um vídeo que eu assisti quando estava pesquisando sobre o assunto. Obrigada pela visita!

      Excluir
    2. Obrigado, eu gostaria de fabricar carros hibridos de 2 e 4 lugares no Brasil, mas é apenas ilusão.

      Excluir
    3. Eduardo eu acredito que todas as grandes coisas que existem hoje antes fora uma ideia que ninguém acreditou! Que o diga este presidente da Toyota que implantou um sistema que ninguém nunca tinha ouvido sobre. Então se você acreditar na sua capacidade e dar seu máximo tudo é possível. Parece clichê mas é verdade hahaha!

      Excluir
  2. Se surgir oportunidade, eu farei, pois acredito que um carro moderno, barato, e pequeno, venderia muito. Mas, vamos esperar a vontade de Deus.

    ResponderExcluir

Regras de Comentário:
Deixe apenas o link, não precisa falar para eu te visitar pois eu já faço isso com todos que comentam
Divulgação nos meus post serão apagados tem um espaço para isso, vai lá em Sobre Dani..
Acompanhe meu blog porque gostas, isso não é uma troca!